rawpixel-783426-unsplash

CONSTRUTOR DE DIETA

€14.99
9
99
  • 5 Alternativas por refeição.
  • + de 30 receitas.
  • Suporte via e-mail.
  • Guia "Dieta = Lifestyle".

O QUE SÃO MACRONUTRIENTES E MICRONUTRIENTES E A SUA IMPORTÂNCIA?

Antes de falarmos sobre Macronutrientes e Micronutrientes é muito importante compreender o que são os Nutrientes. Os Nutrientes são compostos presentes naturalmente nos alimentos, que nutrem o organismo para que o mesmo mantenha o seu normal funcionamento. No mundo da nutrição, cada nutriente tem a sua função, e como resultado disso a sua necessidade pelo nosso organismo é variável. Para facilitar a sua classificação os nutrientes são divididos em Macronutrientes e Micronutrientes, vamos então agora falar um pouco mais sobre cada um deles.

Macronutrientes

Os macronutrientes são os nutrientes que organismo necessita em maior quantidade, portanto constituem a maior parte da nossa alimentação. São eles: Hidratos de carbono, Proteínas e Lípidos.

Hidratos de Carbono

A sua função é essencialmente energética, sendo eles os principais responsáveis por fornecer energia ao nosso organismo. No nosso corpo são armazenados em forma de glicogénio no fígado e nos músculos. No fígado, eles mantêm os níveis de glicose no sangue, fornecendo energia para as células. Nos músculos, funcionam como energia “pronta” para a nossa atividade física. A quantidade de Hidratos de Carbono que devemos ingerir varia muito tendo em conta as nossas necessidades energéticas e o nosso SOMATOTIPO. Os Hidratos de Carbono, podem ainda ser divididos em simples e complexos. Os simples correspondem por norma a moléculas de baixo valor nutricional (açucares), e o seu excesso para alem de aumentar a ingestão de calorias “vazias” pode trazer diversas complicações metabólicas. Os Hidratos de Carbono complexos por sua vez são moléculas maiores, que levam mais tempo a ser absorvidas, e quanto menos processados forem mais fibras contêm, sendo por consequência a sua ingestão mais saudável.

Proteínas

As Proteínas estão presentes em alimentos de origem animal e vegetal. As suas funções são muito variadas, daí a sua grande importância. Das suas funções destacamos o auxílio na formação de tecidos (ex. massa muscular), são integrantes de várias reações metabólicas, são utilizadas na síntese de algumas hormonas e fazem parte da composição dos anticorpos do nosso sistema imunitário. As Proteínas são formadas por aminoácidos que se dividem em essenciais e não essenciais. Os aminoácidos essenciais são aqueles que só conseguimos obter por meio da nossa alimentação. Por sua vez os aminoácidos não essenciais são aqueles que o nosso corpo consegue produzir. Com base nesta classificação podemos medir o valor biológico de cada fonte de proteína, e assim agrupar em Proteínas de alto valor biológico, quando apresentam todos os aminoácidos essenciais na sua composição, e Proteínas de baixo valor biológico quando não possuem todos os aminoácidos essenciais ou quando a sua proporção não é a adequada.

Lípidos ou Gorduras

As gorduras podem igualmente ser de origem animal e vegetal, são divididas em saturadas e insaturadas (polisaturadas e monosaturadas). Das suas principais funções destacamos a função de reserva energética, produção hormonal, armazenamento e transporte de algumas vitaminas. Este macronutriente é muitas vezes mal compreendido, sendo que associamos muitas vezes a gordura corporal ao consumo de gorduras. As gorduras, à semelhança dos restantes macronutrientes são saudáveis e devem ser ingeridas, principalmente as insaturadas. O grande problema que existe é quando as mesmas sofrem algum tipo de alteração no seu processo de fabrico ou preparação, correndo o risco de se tornarem gorduras trans. Estas sim, devem ser evitadas a todo o custo!

Micronutrientes

Contrariamente aos macronutrientes, os micronutrientes são nutrientes que precisamos em menor quantidade e não temos a capacidades de absorver em grande quantidade. São eles as Vitaminas e os Minerais.

Vitaminas

As Vitaminas são lipossolúveis e hidrossolúveis. Elas são importantíssimas para a regulação de todas as funções do nosso organismo. Quando a nossa alimentação não está equilibrada e ajustada às necessidades individuais, facilmente apresentamos carências a nível das vitaminas, pois o nosso organismo não possui a capacidade de armazenar estes micronutrientes em grande quantidade.

Minerais

São substancias de origem inorgânica e são igualmente importantes no equilíbrio do nosso organismo, desempenhando funções reguladoras, contribuindo para a função osmótica, equilíbrio ácido-base, estímulos nervosos, ritmo cardíaco e atividade metabólica. À semelhança das vitaminas a sua carência é bastante comum quando não estamos a cumprir um regime alimentar adequado às nossas necessidades.

 

Em suma, todos os nutrientes, sejam eles Macronutrientes ou Micronutrientes têm a sua importância, sendo que os mesmos devem fazer parte da nossa alimentação nas proporções adequadas. Essas proporções dependem muito dos nossos objetivos e das nossas a necessidades individuais. Com a evolução da nossa sociedade, cada vez mais temos dificuldades em conseguir esse equilíbrio que tanta falta nos faz, por vezes temos alguns sintomas (cansaço, falta de concentração, falta de vigor físico) e nem imaginamos que a sua causa pode estar na deficiência de algum nutriente.

Partilha este post!

# Type at least 1 character to search # Hit enter to search or ESC to close